PRÉ-ESTREIA DE BATMAN - THE DARK KNIGHT RISES TERMINA EM TRAGÉDIA NOS EUA




Imagine você, nerd. Está esperando pela conclusão da trilogia doBatman de Christopher Nolan há quatro anos. Você compra seu ingresso para a pré-estreia, vai junto daqueles que você gosta, seus amigos nerds ou não. E, aos 40 minutos do filme, eclode uma verdadeira tragédia.
Foi o que infelizmente aconteceu de ontem (19 de julho) para hoje (20 de julho) na cidade de Denver, Colorado nos EUA.
James Holmes, aos 40 minutos da exibição do filme, soltou uma bomba de fumaça dentro da sessão. Muitos espectadores imaginaram ser parte dos efeitos especiais do filme, até que ele disparou várias rajadas de seu rifle. Foram mais de 60 atingidos no meio da confusão.

Dos atingidos, 10 morreram na hora. 2 morreram a caminho do hospital. Mais de 50 foram feridos — entre eles, crianças. Além do rifle, o criminoso assassino ainda tinha mais duas armas de fogo e um colete à prova de balas, mostrando quão planejado foi o ato.
O lado bom é que Holmes já está em custódia da polícia. Ao contrário de outros tiroteios parecidos que aconteceram nos EUA, ele não se matou, nem tentou resistir à prisão. Ele tem apenas 24 anos.
A tragédia chocou os EUA, gerando declarações da Warner e até mesmo de Barack e Michelle Obama. Por enquanto, nenhum grande veículo (ou figura pública) culpou o filme (ou o cinema em si) pela tragédia, mas a exibição de pré-estreia de Paris foi cancelada.
É uma tragédia monumental, assim como aconteceu em 1999 em exibições de Clube da Luta e Matrix, e em 1986, em exibições de Stallone Cobra. O #FACEPOP deseja todas as forças do mundo para as pessoas e famílias afetadas.